Home / Significado dos 64 Hexagramas / Hexagrama 30 – O Luminoso (Aderir)

Hexagrama 30 – O Luminoso (Aderir)

O Significado do hexagrama 30 do I Ching 'O Luminoso - Aderir'

O oráculo

Luminoso. A persistência correta é favorável.
Cuidar da vaca traz boa sorte.

Interpretação

Nada é absolutamente autônomo ou auto-suficiente. O Sol e a Lua dependem do céu; as plantas dependem da terra, o fogo depende do combustível. Para que nossas ações frutifiquem, necessitamos de adesões e parcerias. Precisamos tanto buscar quanto oferecer espaço e ajuda.

O nome chinês do hexagrama (Li) também pode ser traduzido por Beleza Radiante, Esplendor, o que nos lembra que o ser, para continuar a brilhar no mundo, depende da renovação permanente da fonte que ilumina seu interior. Todas as formas de vida dependem de condições precisas. Desse modo, quando o homem reconhece suas limitações e se submete às forças harmoniosas do cosmo, ele alcança o êxito.

A vaca simboliza a docilidade fecunda que gera alimentos para as suas crias e para os humanos. É o modo pelo qual ela retribui os cuidados que lhe foram dispensados. Quando o homem cultiva em si próprio a docilidade e a doação generosa de seus dons, ele conquista uma clareza radiante que ilumina tudo o que se encontra à sua volta. Seu lugar no mundo e sua boa sorte, então, ficam assegurados.

Conselho

O homem nobre perpetua o resplendor dos antigos mestres e ilumina os quatro cantos da terra.

Interpretação

A auto-suficiência espiritual, que dispensa companheiros e orientadores, pode gerar grandes equívocos. O homem receptivo às qualidades mais finas acolhe a mensagem luminosa dos ensinamentos que são transmitidos de geração a geração, desde tempos imemoriais.

Se acolhemos e digerimos pacientemente as lições dos antigos, naturalmente nosso ser passa a refletir a lucidez possível ao homem; tomamos consciência de todos os nossos recantos internos e ajudamos a iluminar o mundo à nossa volta.

____________________________________

Linhas móveis

Linha móvel (nove) na primeira posição significa:

As pegadas se entrecruzam.
Se o homem se mantém sério, nenhuma culpa.

Amanhece, e o trabalho se inicia. Após ter estado isolado do mundo exterior no sono, a alma começa a restabelecer suas relações com o mundo. As marcas das impressões se entrecruzam. Atividade e pressa imperam. Nesse momento, o importante é preservar o recolhimento interior e não se deixar levar pela agitação da vida. Se permanecer sério e concentrado, o homem alcançará a clareza necessária para a análise das numerosas impressões que lhe chegam. É precisamente no começo que esta séria concentração é importante, pois no início está a semente de tudo que se seguirá.

Linha móvel (seis) na segunda posição significa:

Luz amarela. Suprema boa fortuna.

É meio dia. O sol brilha com luz amarela. O amarelo é a cor do meio e da medida. 37 A luz amarela é, portanto, o símbolo da civilização e da arte em seu apogeu, cuja harmonia está no perfeito equilíbrio.

Linha móvel (nove) na terceira posição significa:

Sob a luz do sol poente
os homens ou batem no caldeirão e cantam,
ou suspiram em voz alta à aproximação da velhice.
Infortúnio.

Finda o dia. A luz do sol poente lembra o aspecto condicionado e transitório da vida. Nesta falta de liberdade exterior os homens com freqüência perdem também sua liberdade interior. A transitoriedade da existência ou os impele a uma euforia desenfreada, a fim de gozar a vida enquanto ela dura, ou se deixam levar pela tristeza e desperdiçam um tempo precioso lamentando a aproximação da velhice. Ambas as atitudes são erradas. Para o homem superior é indiferente que a morte esteja próxima ou distante. Ele aprimora-se, aguarda sua sorte e assim consolida seu destino.

Linha móvel (nove) na quarta posição significa:

Sua chegada é repentina;
inflama-se, extingue-se, é jogado fora.

A clareza do intelecto tem para com a vida uma relação semelhante à que o fogo tem com a madeira. O fogo adere à madeira, mas ao mesmo tempo a consome. A clareza do intelecto tem suas raízes na vida, mas também pode consumi-la. Tudo depende de como essa clareza funciona. É usada aqui a imagem de um meteoro ou de um fogo de palha. Um homem de caráter excitável e inquieto tem uma rápida ascensão, porém sem deixar efeitos duradouros. É um erro desgastar-se demasiado rápido e se consumir como um meteoro.

Linha móvel (seis) na quinta posição significa:

Em prantos, suspirando e lamentando.
Boa fortuna!

A vida aqui atinge um apogeu. Nesta posição, se não houvesse uma advertência, o homem se consumiria como uma chama. Mas se chora e suspira, preocupado em conservar sua clareza, renunciando a toda esperança e temor por reconhecer a vacuidade de todas as coisas, essa sua tristeza trará boa fortuna. Aqui ocorre uma verdadeira e definitiva mudança de atitude, e não apenas uma mudanças temporária, como no caso do nove na terceira posição.

Linha móvel (nove) na sexta posição significa:

O rei o utiliza para marchar adiante e castigar.
O melhor será então matar os líderes
e aprisionar seus seguidores.
Nenhuma culpa.

O propósito da punição é impor disciplina, e não castigar cegamente. O mal deve ser cortado pela raiz. Na vida política, para fazê-lo, devem-se eliminar os líderes, porém poupar seus seguidores. No auto-aperfeiçoamento devem-se extirpar os maus hábitos e tolerar aqueles que são inofensivos. Pois o ascetismo muito rigoroso, assim como as punições excessivamente severas, não conduz a bons resultados.

Sobre Constantino K. Riemma

Constantino K. Riemma
É autor de diversos textos sobre I Ching, Astrologia e Tarô. Trabalha como Terapeuta há 20 anos utilizando estas linguagens simbólicas como ferramenta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *