Home / Significado dos 64 Hexagramas / Hexagrama 55 – Abundância

Hexagrama 55 – Abundância

O Significado do hexagrama 55 do I Ching 'Abundância'

O oráculo

Abundância. Sucesso!
O rei atinge a plenitude.
Não fique triste; seja como o sol ao meio-dia.

Interpretação

Trata-se de um período de abundância e todas as coisas estão favorecidas. Mas não é qualquer mortal que se encontra à altura de promover uma época de grandeza e prosperidade. Só um grande líder pode assumir a iniciativa e alcançar as metas que beneficiam toda a coletividade.

O oráculo também alerta para as leis da impermanência e da alternância das polaridades opostas. O ponto máximo da abundância e da acumulação de riquezas não pode ser mantido eternamente, e deve dar lugar à uma época de distribuição e partilha.

Só os homens sábios e valorosos são aptos para administrar as riquezas inteiramente livres de egoísmo e arrogância. Eles não temem a sucessão dos ciclos e nem se entristecem com a previsão de épocas de contenção; nos períodos de prosperidade e riqueza – seja material ou espiritual – já começam a repartir os bens entre todos os seres.

A maré alta e a maré baixa, o fluxo e o refluxo de tudo o que existe no céu ocorrem no momento apropriado. Grandes mudanças podem ocorrer entre os homens, e muito mais ainda em sua atividade espiritual.

Conselho

O homem nobre decide as questões legais e aplica as penalidades.

Interpretação

As leis e as normas estabelecidas devem ser aplicadas. Quando ocorrem infrações, o homem correto não protela suas decisões. Com clareza interior faz uma exata investigação dos fatos e, com firmeza, garante a justa aplicação das penalidades.

____________________________________

Linhas móveis

Linha móvel (nove) na primeira posição significa:

Quando um homem encontra o governante que lhe é destinado,
podem permanecer juntos dez dias e isso não será um erro.
Ir provoca o reconhecimento.

Para promover uma época de plenitude é necessário unir à clareza um enérgico movimento. Quando duas pessoas reúnem esse par de atributos, há entre elas uma correspondência, e mesmo que elas permaneçam juntas ao longo de todo um período, durante o ciclo da abundância, isso não representará um tempo demasiado, nem deve ser considerado um erro. Por isso, pode-se seguir adiante para agir; essa iniciativa encontrará reconhecimento.

Linha móvel (seis) na segunda posição significa:

A cortina é tão densa
que se pode ver a estrela polar ao meio-dia.
Seguir adiante provocará desconfiança e ódio.
Se o despertarem através da verdade,
a boa fortuna virá.

Muitas vezes, disputas e intrigas facciosas, de efeito semelhante ao obscurecimento causado por um eclipse solar, vêm se interpor entre um governante que busca realizar grandes tarefas e o homem que poderia levá-las a cabo. Então, no céu ao invés do sol se vê a estrela polar. A presença do governante é obscurecida por um grupo que usurpou o poder. Se, numa tal época, um homem quiser agir de maneira enérgica, encontrará apenas desconfiança e inveja, o que impossibilita qualquer movimento. O essencial, então, é manter-se interiormente fiel ao poder da verdade, pois ela é tão poderosa que, ao final, terminará por exercer uma invisível influência sobre o governante, e tudo acabará bem.

Linha móvel (nove) na terceira posição significa:

O arbusto é tão denso
que se vêem pequenas estrelas ao meio-dia.
Ele quebra seu braço direito.
Nenhuma culpa.

Isto simboliza o obscurecimento progressivo do sol. Aqui o eclipse é total, e ao meio-dia podem-se ver até mesmo pequenas estrelas.

No âmbito das relações sociais isto significa que a figura do príncipe sofreu tal obscurecimento que mesmo as pessoas mais insignificantes podem se sobressair. Com isso, um homem capaz, que poderia ser o braço direito do governante, fica impossibilitado de realizar qualquer coisa. É como se seu braço estivesse quebrado. Mas ele não tem culpa de estar assim impedido de agir.

Linha móvel (nove) na quarta posição significa:

A cortina é tão densa que se pode ver a estrela polar ao meio-dia.
Ele encontra seu governante, o qual se lhe assemelha.
Boa fortuna!

Nesse ponto a escuridão já está em declínio e, por isso, aqueles que têm afinidade entre si podem se encontrar. Aqui também é necessário encontrar uma complementação; à alegria da ação deve-se aliar a necessária sabedoria. Então tudo correrá bem. O fator complementar postulado aqui tem um sentido oposto ao da primeira linha. Lá a sabedoria deveria procurar se unir à energia. Aqui a energia deve ser complementada pela sabedoria.

Linha móvel (seis) na quinta posição significa:

A luz volta a brilhar gerando bênçãos e felicitações.
Boa fortuna.

O governante é modesto e escuta os conselhos dos homens capazes. Por isso acercam-se dele pessoas que lhe sugerem linhas de ação. Isso traz bênçãos, fama e boa fortuna tanto para ele como para seu povo.

Linha móvel (seis) na sexta posição significa:

Sua casa encontra-se na abundância.
Ele esconde sua família,
espreita através do portão e já não percebe mais ninguém.
Durante três anos ele não vê mais nada.
Infortúnio!

Aqui se descreve um homem que, por sua arrogância e obstinação, atinge o oposto do que anseia. Ele procura abundância e esplendor para sua moradia. Deseja a todo custo ser o senhor absoluto em sua casa, mas isto o afasta de sua própria família a tal ponto que, ele se vê completamente só.

Sobre Constantino K. Riemma

Constantino K. Riemma
É autor de diversos textos sobre I Ching, Astrologia e Tarô. Trabalha como Terapeuta há 20 anos utilizando estas linguagens simbólicas como ferramenta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *